BUSINESS-TO-BUSINESS E CONTROLE TOTAL DE FROTA: UM ESTUDO NA CTF TECHNOLOGIES

Wagner Junior Ladeira, Roberto Sarquis Berte, Adriano de Paula Romanzini

Resumo


Resumo

O avanço da Tecnologia da Informação (TI) vem contribuindo para corporações realizarem operações que antes eram inimagináveis, principalmente no setor de transporte. Um dos grandes desafi os deste setor é gerenciar o consumo de combustível das frotas, devido às distâncias percorridas pelos veículos. Com base neste contexto, o presente artigo teve como objetivo analisar aspectos positivos e negativos da utilização do Controle Total de Frota (CTF) como aplicação business-to-business (B2B) no relacionamento com os clientes. Para alcançar esse objetivo analisou-se o relacionamento entre a CTF Technologies do Brasil e quatro clientes, tendo como foco a utilização do sistema de Controle Total de Frota como aplicação business-to-business. Metodologicamente, utilizou-se uma abordagem qualitativa-descritiva através de estudos de casos múltiplos. Foram entrevistados gerentes de frotas de quatro grandes transportadoras do Brasil. Nos resultados foram apresentados os pontos positivos e negativos da utilização do Controle Total de Frota como aplicação business-to-business, em unidades de análises separadas. As empresas analisadas apontaram que o uso do Controle Total de Frota agrega valor, pois as empresas precisam estar em sintonia; gera credibilidade, afi nidade e confi ança do cliente para com a empresa e o sistema, sendo a credibilidade um fator relevante no relacionamento, percebida na medida em que o cliente conhece melhor o sistema e a empresa. Após a análise dos resultados foram feitas as considerações fi nais dos achados desta pesquisa.

 Palavras-chave: Tecnologia da Informação. Business-to-business. Controle Total de Frota


Texto completo:

PDF