CLIMA ORGANIZACIONAL: AS PERCEPÇÕES DOS COLABORADORES DE UM HOSPITAL PÚBLICO

Bruno Samways dos Santos, Thaís Distéfano Wiltenburg, Jucilene Rocha Dal Negro, João Carlos Colmenero

Resumo


Resumo

Este estudo objetiva identificar o nível de satisfação dos trabalhadores de um hospital público com uma pesquisa de clima organizacional. Coletaram-se informações das características da população e mais oito dimensões. A amostra contou com 96 colaboradores e os resultados foram analisados com o software SPSS® por meio de estatística descritiva e comparação entre médias com o teste t para amostras independentes, para um nível de significância de 0,05. As mulheres compuseram 92% do total de pessoas entrevistadas, das quais 34,1% tinham entre 36 e 45 anos, 28,4% trabalhavam no hospital por um período entre 1 e 2 anos. De toda a amostra, 67,7% trabalhavam no período diurno. As dimensões “vida profissional”, “ambiente de trabalho” e “remuneração” foram as melhores classificadas, enquanto o índice de “treinamento e desenvolvimento” teve a pior qualificação. Não existiram diferenças significativas entre as médias das respostas estratificadas por idade, exceto na dimensão “motivação”. Para o “tempo de trabalho”, em três dimensões observou-se que pelo menos um item apresentou médias diferentes.

Palavras-chave: Administração hospitalar. Satisfação no emprego. Análise estatística.


Texto completo:

PDF