LIDERANÇA EM ORGANIZAÇÕES INTENSIVAS EM CONHECIMENTO: UMA BIBLIOMETRIA

Fabiana Besen, Edivandro Luiz Tecchio, Cristiano Jose Castro de Almeida Cunha, Francisco Antonio Pereira Fialho

Resumo


Resumo
A liderança em organizações intensivas em conhecimento é entendida como um processo de suporte e inspiração para os trabalhadores do conhecimento, contribuindo para o bom desempenho organizacional. Para sua
compreensão deve-se levar em consideração o contexto, a cultura e a estrutura organizacional. Essas organizações se caracterizam por criar valor por meio do uso do conhecimento, o qual é seu principal input, exigindo da liderança características e competências específicas, compatíveis com o contexto no qual essas organizações estão inseridas. Existem pouco trabalhos sobre a liderança neste tipo organizacional, assim, o objetivo deste artigo é apresentar uma revisão sistemática das publicações científicas sobre liderança em
organizações intensivas em conhecimento. Para isso, foi utilizada, inicialmente, a bibliometria, uma técnica de medição da produção e disseminação do conhecimento científico, nas bases internacionais Web of Science (WoS), Scopus e ESBCO e na base nacional qualis CAPES. Os resultados demonstram que no Brasil, até o presente momento, o tema não foi  objeto de estudo dos pesquisadores, considerando os periódicos pesquisados. Em nível internacional, ainda é pouco investigado, porém algumas pesquisas sobre o tema puderam ser identificadas. Detectou-se que a liderança em OICs é peculiar em função do contexto dessas organizações, logo, enfrenta desafios com a ambiguidade, a complexidade e o perfil dos trabalhadores, o que exige habilidades como comunicação e o exercício do papel de facilitadora no processo de gestão do conhecimento.


Palavras-chave: Liderança. Organizações. Conhecimento.


Texto completo:

PDF