FATORES EMPRESARIAIS DAS CATEGORIAS DA FIRMA: UM ESTUDO NA REDE PRIVADA DA EDUCAÇÃO SUPERIOR BRASILEIRA

Ricardo Viana Carvalho de Paiva, Danilo de Melo Costa, Francisco Vidal Barbosa

Resumo


Nos últimos 40 anos, o setor privado vem adquirindo crescente participação na educação superior brasileira. Entretanto, o nascimento de diversas instituições de ensino tem acirrado a concorrência e aumentado a competitividade no setor. A partir de então, instituições de ensino independentes e grupos educacionais passaram a se preocupar com a gestão interna das instituições, visando a resultados mais eficientes. Tendo como premissa esse cenário, o presente trabalho propõe-se a realizar um estudo da análise das categorias da firma, com destaque para os fatores empresariais (finanças, recursos humanos, produção, inovação e marketing) de grandes players dessa área de atuação. Para tanto, foi realizado um estudo exploratório, de caráter qualitativo, por meio de coleta de dados documental e bibliográfica e entrevista com gestores de sete instituições de ensino superior privadas, nacionalmente reconhecidas. Os resultados apontaram que há uma tendência da formação e crescimento de grandes grupos educacionais, que também enfrentam inúmeros desafios. Os gestores demonstraram, por meio de percepções e perspectivas, que os fatores empresariais intrínsecos da firma representam um importante divisor de águas para se garantir a sobrevivência ou o fracasso em um cenário cada vez mais acirrado e competitivo.

 

Palavras-chave: Fatores empresariais. Categorias da firma. Educação superior privada.


Texto completo:

PDF