A INFLUÊNCIA DO MODELO DE GESTÃO ADOTADO POR UMA COOPERATIVA: UM ESTUDO DE CASO EM UMA COOPERATIVA AGRÍCOLA

Paulo Cezar de Campos, Edson Donizetti Dalla Santa, Daniel Pedro Puffal

Resumo


O cooperativismo tornou-se, ao longo da história, uma forma de organização da atividade produtiva que proporciona aos seus participantes a oportunidade de utilizar o esforço coletivo para obter maiores e melhores resultados em um determinado setor da economia. Por meio de um estudo de caso em uma cooperativa de pequenos agricultoresem Santa Catarina, esse artigo tem como objetivo analisar como a gestão adotada influencia na motivação da permanência dos associados na instituição. O estudo caracteriza-se como uma pesquisa exploratória de abordagem qualitativa, cujos dados foram coletados por meio de questionários semiestruturados. O estudo revelou que os cooperados não compreendem os princípios do associativismo necessários para o bom funcionamento da organização, sejam eles valores individuais e ou organizacionais. Também se identificou que a motivação dos associados na cooperativa tem uma relação direta com os constantes resultados financeiros obtidos por ela, levando os cooperados a perderem o interesse pela cooperativa devido a resultados não esperados. A principal contribuição deste estudo está na constatação de que a falta de compreensão dos valores individuais e organizacionais, por parte dos cooperados, pode influenciar nos resultados de uma cooperativa, especialmente na sua perpetuação.


Texto completo:

PDF