ÍNDICE DE SUSTENTABILIDADE EMPRESARIAL (ISE): NÍVEL DE EVIDENCIAÇÃO DAS INFORMAÇÕES ECONÔMICO-FINANCEIRAS DAS EMPRESAS DE CARNES E DERIVADOS

Sabrina Nascimento, Miguel Henrique Casagrande, Rony Petson Santana de Souza, Marcos Greuel, Nelson Hein

Resumo


Esta pesquisa buscou identificar o nível de evidenciação dos relatórios da administração das empresas de carnes e derivados que compõem o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) e comparar esses índices com seus desempenhos econômico-financeiros. Na metodologia, optou-se, por um estudo descritivo que se caracteriza como múltiplos casos em quatro empresas brasileiras do segmento de carnes e derivados, com abordagem qualitativa, na análise de conteúdo nos Relatórios da Administração (RA) e quantitativa nas Demonstrações Financeiras Consolidadas (DFCs) em 2007 e 2008, com auxílio do método AHP (Analytic Hierarchy Process). Conclui-se que as empresas participantes do ISE apresentaram maior nível de evidenciação. Entretanto, quando comparamos o nível de evidenciação com o desempenho dos indicadores econômico-financeiros de Liquidez e Rentabilidade sobre o Patrimônio Líquido, este comportamento não foi observado, pois as empresas não participantes do ISE apresentaram desempenhos melhores nestes indicadores.

 

Palavras-chave: Evidenciação. Índice de Sustentabilidade Empresarial. AHP (Analytic Hierarchy Process).

 


Texto completo:

PDF